domingo, 31 de outubro de 2010

A bandeira

Quantos triângulos consegues contar no desenho da bandeira?


Quem acertar primeiro tem direito a prémio!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Desafio familiar

Agora quye o teste de História e Geografia de Portugal já passou, aqui fica um desafio para descontrair.
É tudo uma questão de lógica.
Se a única irmã do único irmão da tua mãe tem um filho único, que parentesco tem essa criança contigo ?

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Apontamentos para a 1.ª Ficha de HGP

Tema 1
(A Península Ibérica na Europa e no Mundo)

HISTÓRIA- Ciência que estuda a vida do Homem através dos tempos e as soluções que encontrou para resolver os seus problemas.
GEOGRAFIA- Ciência que procura descrever a Terra e explicar determinados fenómenos que ocorrem nos espaços habitados pelo Homem.
Através da História e Geografia de Portugal terás oportunidade de saber:

Como e de onde nasceu Portugal;
Como viviam, em diferentes épocas, os portugueses;
Que novos recursos foram postos à sua disposição;
Que acontecimentos marcaram profundamente a vida dos portugueses.
ELEMENTOS QUE NOS AJUDAM A LER UM MAPA
ORIENTAÇÃO - Indica-nos as direcções de acordo com os pontos cardeais da ROSA DOS VENTOS. TÍTULO - Serve para identificarmos o mapa. Refere-se ao assunto que é tratado. LEGENDA - Permite-nos interpretar as informações que estão no mapa. ESCALA - Permite-nos saber o número de vezes que o mapa é mais pequeno do que a realidade. Pode ser numérica ou gráfica.
FORMAS DE REPRESENTAR A TERRA
GLOBO TERRESTRE - Representação do planeta Terra na sua forma real, que é aproximadamente esférica.
PLANISFÉRIO - Mapa, geralmente de forma rectangular, que representa de forma plana toda a superfície Terrestre.
MAPA - Representação, numa superfície plana e em tamanho menor (escala) do que o real, de uma região, de um país, de um continente ou do Mundo.

LINHAS IMAGINÁRIAS QUE NOS PERMITEM LOCALIZAR UM LUGAR
EQUADOR – Linha imaginária perpendicular ao eixo da Terra que divide o planeta em duas partes iguais (hemisfério norte e hemisfério sul)
PARALELO - Linha imaginária perpendicular ao eixo da Terra. O maior dos paralelos é a linha do Equador.
MERIDIANO - Círculo máximo que passa pelos pólos, dividindo a Terra em dois hemisférios.
OS OCEANOS E OS CONTINENTES
OCEANO – Vasta extensão de água salgada que banha os continentes.
Oceanos: Atlântico - Pacífico - Índico - Glacial Árctico - Glacial Antárctico
CONTINENTE – Cada uma das grandes extensões de superfície da Terra que apresenta características próprias.
Continentes: África – Europa – América – Oceânia - Ásia - Antárctica

A PENÍNSULA IBÉRICA
PENÍNSULA - Porção de terra cercada de água por todos os lados menos por um a que damos o nome de istmo.
LOCALIZAÇÃO DA PENÍNSULA IBÉRICA: extremo sudoeste da Europa.
LIMITES NATURAIS
NORTE- Oceano Atlântico
SUL – Oceano Atlântico e Mar Mediterrâneo
ESTE - Mar Mediterrâneo
OESTE - Oceano Atlântico
NORDESTE – Pirenéus
TRAÇOS MORFOLÓGICOS
PLANALTO – Terreno plano ou ondulado situado a uma altitude considerável.
PLANÍCIE - Superfície plana situada a baixa altitude.
VALE – Depressão de terreno, mais ou menos extensa e profunda, situada entre duas elevações onde, geralmente, corre um rio.
CORDILHEIRA- Conjunto de montanhas.
PRINCIPAIS CORDILHEIRAS DA PENÍNSULA IBÉRICA
Cordilheira Central
Cordilheira Cantábrica
Cordilheira dos Pirenéus
Cordilheira Ibérica
Cordilheira Bética
Existem mais montanhas e planaltos no interior da Península Ibérica e mais planícies no litoral (junto ao mar).
PRINCIPAIS RIOS
REDE HIDEROGRÁFICA – Conjunto formado por um rio e pelos seus afluentes.
Principais rios que desaguam no Oceano Atlântico (vertente atlântica):
RioMinho

Rio Douro
Rio Tejo (o maior)
Rio Sado
Rio Guadiana
Rio Guadalquivir
Rio que desagua no mar Mediterrâneo (vertente mediterrânica):
Rio Ebro
Principal rio que nasce e desagua em Portugal (Oceano Atlântico): Rio Mondego
ELEMENTOS QUE CARACTERIZAM O CLIMA
TEMPERATURA - Grau de calor ou frio de um determinado lugar.
PRECIPITAÇÃO – Quantidade de água, neve ou granizo que cai no solo num determinado período.
VENTO – Deslocação de ar provocada pelas diferenças de pressão ou de temperatura de várias camadas atmosféricas.
ELEMENTOS QUE INFLUENCIAM O CLIMA
Altitude
Proximidade do mar
Direcção do vento
ZONAS CLIMÁTICAS DA PENÍNSULA IBÉRICA
ZONA DE CLIMA ATLÂNTICO - Temperaturas amenas (Verões e Invernos suaves) e muita precipitação.
ZONA DE CLIMA MEDITERRÂNICO – Verões longos, quentes e secos; Invernos curtos e suaves; baixa precipitação.
ZONA DE CLIMA CONTINENTAL – Invernos frios e Verões muito quentes. Pouca precipitação que no Inverno pode assumir a forma de neve.
VEGETAÇÃO NATURAL
Vegetação natural é aquela que nasce espontaneamente sem intervenção do homem.
NORTE:
Mais vegetação;
Árvores de folha caduca (a folha cai no Outono e nasce na Primavera). Exemplos: Carvalho e Castanheiro.
SUL
Menos florestas e mais arbustos;
Árvores de folha persistente (a folha nunca cai). Exemplos: Azinheira e Sobreiro.

Para veres como estão os teus conhecimentos podes ir às seguintes páginas:

http://www.eb23-cmdt-conceicao-silva.rcts.pt/sev/hgp/1.mundo_quiz.htm
http://www.eb23-cmdt-conceicao-silva.rcts.pt/sev/hgp/2.pi_quiz.htm

Datas das fichas de avaliação 2011-12

Língua Portuguesa: 14 de Outubro e 10 de Novembro;

Inglês: 24 de Outubro e 6 de Dezembro;

História e Geografia de Portugal: 18 de Outubro, 8 de Novembro e 14 de Dezembro (4.ª feira, 8:30h);

Matemática: 17 e 31de Outubro e 11 e 25 de Novembro;

Ciências da Natureza: 26 de Outubro, 14 de Novembro e 5 de Dezembro;

Educação Física:
Religião: 13 de Dezembro


2.º período


História e Geografia de Portugal:

Já só falta começar a estudar!


3.º Período


HGP -

domingo, 17 de outubro de 2010

Os comboios

Aqui fica umdesafio para resolver.

Às 8 da manhã, um comboio a andar à velocidade de 70 Km/h, parte do Porto em direcção a Coimbra. Às 9 da manhã do mesmo dia, um comboio, à velocidade de 130Km/h, parte de Coimbra em direcção ao Porto.

Quando eles se encontrarem, qual é o comboio que está mais perto do Porto?

Curiosidade: A primeira linha de comboio foi inaugurada, em Portugal, a 28 de Outubro de 1856, era rei D. Pedro IV. O comoboio partiu de Lisboa e terminou a sua marcha no Carregado, depois de ter percorrido 37 Km e ter deixado várias carruagens pelo caminho, uma vez que a locomotiva não tinha força suficiente, para tanta carruagem.

Passem bem.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

A casa das Palmeiras

O jardineiro da Quinta, era francês e, para vir viver para Portugal, exigiu a construção de uma casa em estilo francês, tendo vindo os materiais para a construção da Casa das Palmeiras expressamente de França.
Sempre que ia à sua terra natal, aproveitava para trazer plantas e árvores raras, as quais embelezavam toda Quinta. Muitas delas ainda hoje existem, como um enorme cedro do Líbano, uma canforeira, etc.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

A Quinta dos Condes da Esperança

Avenida das Palmeiras (início do século XX)

Torreão Neo-gótico

Vista do Lago (início do século XX)Vista do Lago e da Ilha (lado esquerdo)

Casa Senhorial

A Quinta onde hoje se insere o Colégio da Imaculada Conceição, foi fundada no século XIX, pelo Visconde de Condeixa, de nome João Maria Colaço de Magalhães Velasques Sarmento que, como demonstração da riqueza adquirida no comércio do Brasil, foi comprando terrenos na região de Cernache até adquirir a Quinta, que, depois, rodeou de muros.
Como um dos últimos proprietários tinha também o título de Conde da Esperança (Conde José Manuel Braacamp de Barahona Fragoso, 3.º Conde da Esperança) a propriedade acabaria por ficar conhecida como Quinta dos Condes da Esperança.

No início do século XX, a Quinta começou a entrar em decadência, tendo sido adquirida, no ano de 1944, pela Companhia de Jesus, para aí construir um Colégio.
Na sua origem, está um ideal Romântico com tudo o que isso implicava: torreão neo-gótico (século XIX), lago, queda de água, ilha, gruta, árvores exóticas, casa senhorial, etc.
É pois neste espaço único que estudam mais de 800 alunos.
Pergunta: A Casa das Palmeiras (na fotografia) foi, originalmente, a casa do jardineiro da Quinta. De que país era natural o jardineiro que "obrigou" o proprietário da Quinta a construir tal casa?

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Olá a todos

Olá a todos!
Este pretende ser um espaço privilegiado de partilha de ideias, de sugestões, de alegrias e de preocupações relativamente aos nossos "pequenos terríveis" - a turma A 1012.
O principal objectivo é que, à distância de um clique, pais e professores possam trocar informações valiosas contribuindo, assim, para um processo ensino-aprendizagem bastante mais claro, mais diversificado e, acima de tudo, muito rico em experiências que os ajudem a crescer felizes e realizados.
Assim, usemos e abusemos desta possibilidade, troquemos experiências, imagens, intrumentos de trabalho e tudo mais o que se provar ser um elemento facilitador para uma escola na qual os nossos alunos queiram estar. Sem limites!

Bom ano,
A DT, Ana Vicente